Versículo do dia...

Um pouco de nós / Un poquito de nosotros:

Minha foto

Olá. O Chimarrão com Queijo é o nome tem acompanhado nossa caminhada. O Márcio é oriundo de Cataguases, Minas Gerais, e a Elisandra, de Passo Fundo, Rio Grande do Sul. Nossa pequena Emanuelle também é de lá.
Seja bem-vindo/a!!!!

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

40 dias de Uma Vida com Propósitos

Afinal de contas, por quê estou aqui?


Estaremos, durante 40 dias, de 11 de setembro à 19 de outubro, numa jornada de fé em oração, jejum e leitura da Palavra. Um tempo de consagração pela nossa vida, família, igreja, cidade e nação.

Estaremos nessa jornada sendo conduzidos na dinâmica que o pr. Rick Warren propõe em seu livro "Uma vida com propósitos: para que estou na Terra?", edição expandida.

O gostoso também que não estaremos a sós nessa jornada. Juntos com mais um irmão/ã ou com um grupo, no qual, durante esse tempo, compartilharemos do que Deus tem ministrado em nossas vidas e para sermos desafiados a não desanimar. Um motivando o outro nesse propósito.

40 dias de Uma Vida com Propósitos será realizado no tempo e espaço que conseguirmos durante o dia. Nossa comunicação se dará por telefone/whatsapp. No dia 11 de setembro, após o culto de Celebração na IMPorto (Igreja Metodista no Porto) estaremos dando as coordenadas.

Por isso, não perca tempo. Invista em sua vida. Invista na sua família. Vamos juntos nessa jornada de fé em consagração de todo nosso ser.

As inscrições? As mulheres da IMPorto deverá realizar a inscrição dessa jornada com a pra. Elisandra Toledo. Os homens, se inscreverão com pr. Márcio Toledo.

O que é necessário? Não há nenhuma taxa de participação. Entretanto, você deverá adquirir o livro em qualquer livraria evangélica ou através dos pastores. Hoje, esse livro está em torno de R$35,00. Com os pastores, você poderá adquiri-lo por R$25,00. Entretanto o pedido, com pagamento, deverá ser feito até dia 31 de agosto. Poderá ser feito com cartão de crédito (Informa-se sobre essa operação com os pastores).

Um casal poderá comprar 01 exemplar? Sim, não há problemas. Entretanto, lembra-se que o uso do livro pessoal lhe proporciona suas anotações pessoais.

segunda-feira, 28 de março de 2016

Seminário de Libertação

Estamos realizando a editoração, revisão e encadernação em wire-o da apostila do Seminário: O padrão de aconselhamento na libertação. O seminário é ministrado pelo pr. Cadu.

Abaixo segue a capa que fizemos para a apostila:

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Seminário de Libertação

A IMPorto realizará um Seminário de Libertação em março, interdenominacional.

O seminário tem autorização do pr. Coty, uma das maiores autoridades na área de Libertação em nossa nação. Ele é realizado pelo pr. Cadu, Carlos Eduardo Souza Castro, pastor da Igreja da Vila (Metodista Valentim, Muriaé-MG). As inscrições podem acontecer até dia 28 de março pelos whatsapp indicados no cartaz.

Abaixo a arte criada para o seminário:


Lares de Paz - uma estratégia eficaz de evangelização e multiplicação

Em 2015 fizemos uma arte para a Campanha de Casas de Paz que estávamos realizando na IMPorto. À partir daí, compartilhamos na internet e com colegas, caso quisessem usar.

Foi, então, que em dezembro daquele ano, o pr. Gercymar, da Filhos da Graça, entrou em contato à respeito da arte. A Igreja Metodista na 4ª Região Eclesiástica estava produzindo um material para a Campanha, mas agora com a nomenclatura de Lares de Paz, e gostaria de usar a arte criada.

Com alegria, compartilhamos a arte criada para Campanha Lares de Paz:

Logo: Lares de Paz
Criação: Elisandra e Márcio Toledo

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

domingo, 14 de junho de 2015

G Trainning - Giovanni Toledo e Roberto Gazola

Meu irmão, Giovanni Toledo, personal trainner, prof. de Educação Física com especializações, atleta e um dos proprietários da GTrainning, solicitou-me uma criação para sua empresa. Hoje, a GTrainning está utilizando outra marca, mas fica aqui o registro da arte que fizemos:






quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Celebração de Natal na IMPorto

Venha celebrar conosco o Natal.
Dia 25 de dezembro, às 19:30.
IMPorto - Igreja Metodista no Porto

Celebração de Natal


quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Para que servem as células?

Amado irmão, amada irmã, seja a graça do Senhor sobre nós!

As reuniões de células são momentos que acontecem numa casa, local de trabalho, praça, etc., em que um grupo de pessoas, inicialmente, da MESMA igreja possam crescer em comunhão com Cristo e umas com as outras. Além disso, como não podemos negar a essência do nosso Deus, um Deus missionário, e que nos vocaciona a ser com Ele é, essas pessoas também estarão convidando, após um tempo de oração, outras pessoas de seu relacionamento para participarem da célula e conhecerem a Cristo. Essas pessoas que serão chamadas NÃO SERÃO PESSOAS DE OUTRAS IGREJAS. Não serão pessoas que estão, de uma forma ou outra, envolvidas numa igreja evangélica. SERÃO PESSOAS QUE NÃO TOMARAM UMA DECISÃO para viverem para Cristo. Que não O conhece.

Assim, se você tem amigos ou amigas que fazem parte de uma igreja,não o/a convide para sua célula. Pelo contrário, caso haja um problema entre ele/ela com seu/sua pastor/pastora, oriente-o/a para que converse com seu/sua líder e reconciliem-se.

Afinal, nossas células existem para que o REINO CRESÇA e não diminua.

De seu amigo e pastor,
rev. Márcio Toledo


segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Tirando mel das situações amargas da vida - Jz 14.1-9

Sermão pregado na IMPorto em 10/08/2014
Baseado num sermão que ouvi do pr. Luciano Vilaça, numa fita K7, gravado há 16 anos.

A história de Sansão é repleta de ensinamentos. Desde o ventre sua vida foi consagrada ao Senhor como um nazireu. Como tal, não poderia beber vinho, nem tocar, beber ou comer coisas impuras e teria que deixar seus cabelos compridos. Era forte, impetuoso, jovem, valente.

Sansão se agrada de uma filisteia. Isso, debaixo do propósito do Senhor, visto que os Filisteus dominavam Israel. A partir daí, observamos três situações de sua vida que muito nos ensina para sermos homens e mulheres onde a Graça do Senhor possa, continuamente, repousar sobre nós. Vejam só:

quando a caminho de Timnate, uma terra filisteia, para se encontrar com sua futura esposa, ele encontra um leão. A Palavra nos diz que tamanha era sua força que com suas próprias mãos mas, com poder do Espirito Santo, rasgou o devorador como se rasgava um cabrito. No entanto, dias depois, a caminho de seu casamento, passa pelo local onde matara o leão e encontra o cadáver do animal mas, com um enxame de abelhas. De lá, tira os favos de mel e vá, pelo caminho, comendo. Como nazireu, quebra um dos seus votos: beber, comer, tocar em coisas impuras/cadáveres.

Segundo, quando de seu casamento, realiza uma grande festa, como de costumes dos jovens de sua época. Festa com bastante comida e vinho. Como nazireu, quebra outro voto ao beber vinho.

Terceiro, cai em pecado contra sua esposa, a traindo com uma prostituta chamada Dalila e, por causa do pecado, confessa o seu "segredo" para Dalila. Ela, então, cria toda uma situação para que seu cabelo pudesse ser cortado, a fonte de sua força. A marca de sua consagração, do seu voto, é retirado, sua "força" se esvai.

Essas três situações muito nos ensinam. Se desejamos que a Graça do Senhor seja sobre nós. Se desejamos ser homens e mulheres marcados pela presença de um Deus vivo e e verdadeiro. Ressurreto e presente, precisamos entender que nossa vida é separada, única e exclusivamente, para ELe. Nos misturarmos, tocarmos, nos deixar envolver com aquilo que não vem do Senhor, nos trará a mancha do pecado. Pecado não se mistura com o Deus que servimos.

No mais, somos vocacionados para sermos agentes de transformação em transformação (Rm 12). Sansão deixa que a moda de seu tempo, como as festas que os jovens faziam em seus casamentos, seja o princípio para o seu. Assim faz, e quebra seu voto bebendo vinho. Não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente. As manias do mundo não podem ser os referenciais para nossa vida.

Por conseguinte, Sansão cai em adultério, trai sua esposa, trai um propósito de Deus em sua vida e confessa à Dalila a fonte de seu poder, de sua força. O pecado o tira a força. O pecado tira a presença de Deus em nós.

Entretanto, gostaria de ver uma outra perspectiva neste texto. Quem de nós não encontramos dificuldades, dilemas, lutas, adversidades, barreiras quando temos que cumpri o querer de Deus em nossas vidas?

Quem de nós não enfrentaremos a morte, para que a vida de Jesus possa ser sobre nós? quem de nós não passaremos pelas provações? Quem de nós não encontra leões pelo caminho?

Sansão estava para cumprir o propósito de Deus em sua vida. Mas isso não o isentou do enfrentamento com o leão. Ele se queixou? Ele questionou ao Senhor? Ele murmurou por estar cumprindo o querer de Deus e Ele permitir que isso acontecesse com ele? Ele recuou diante do leão? Não.

Sansão sabia que estava no centro do querer de Deus naquele momento. E isso já era o bastante para saber que o Senhor era com ele. Ele não recuou, ele avançou na força do Senhor. Na dependência do Senhor, ele venceu o leão.

Assim, convido você a tomar os cuidados que Sansão não teve. Não abra brechas para que a presença de Deus se vá. Mas, ao mesmo tempo, convido-o a tomar essa atitude de Sansão: não recua. Não se atemorize. Não murmure. Não fique queixando. Avança na dependência de Deus. Ele é sua força. Ele é sua fortaleza. Para que diante dos leões que enfrentarem, você possa retirar mel dessas situações. Na dependência de Deus, poderás tirar doçura das situações amargas da vida.

Jesus nos abençoe!

Márcio Toledo, pr.

domingo, 20 de abril de 2014

2º Domingo de Abril - Dia da Pastora e do Pastor Metodista

Texto publicado em http://facebook.com/chimarraocomqueijo

Há alguns dias, após atendimentos e outras tarefas, saímos eu, minha querida esposa, Elisandra Toledo, e nossa linda filha, Emanuelle. Fomos à uma praça em Muriaé, a Pça. João Pinheiro.

Sentamos na mesa de uma pastelaria e fizemos nosso pedido. Era uma deliciosa porção de filé com um refrigerante.

Enquanto isso, começou a passar um filme em minha cabeça. Por isso, gostaria de trazer uma homenagem e reconhecimento aos pastores que, durante minha formação de fé, estiveram pastoreando-me.

Até minha ida à Faculdade de Teologia, foram 5 pastores. Após minha formação e ida ao Rio Grande do Sul, estive pastoreando minha igreja natal com um casal. Total de 7 pastores.

Tive momentos difíceis com alguns: sequidão de Palavra durante um momento, rejeição, e algumas outras coisas. Mas, nenhuma dessas situações são barreiras para, diante do Senhor, reconhecer seus pastoreios. Minha gratidão à vida desses homens e dessa mulher:
  1. rev. Antonio Augusto de Souza, como esquecer de sua presença sempre alegre, motivadora e suas visitas. Seu cuidado foi especial para a consolidação de minha família na Igreja Metodista. Afinal, resgataste a quarta geração de metodista. Dela, hoje já temos a quinta. Jesus abençoe sua vida e ministério;
  2. rev. Natanael Gomes (compartilha com ele, Eliézer Gomes), sua mansidão e carinho fortaleceu nossa caminhada em nosso quarto ano de vida cristã;
  3. rev. Lúcio Mendonça da Fonseca, recordo-me que o primeiro livro que ganhei foi do senhor - "A evangelização na virada do século". Uma vez perguntou se já tínhamos ganhado alguma vida pro Reino. Isso muito me mexeu. Fortaleceria ali uma paixão missionária em minha vida;
  4. rev. Jeremias Ribeiro, antes de sua vinda, tive um desentendimento com meu pai. Passávamos um momento difícil e Deus ministrou em minha vida que Ele não desampararia sua igreja. Sua vinda foi resposta de Deus. Seu pastoreio começou a lapidar minha vocação e também a cuidar de minha mãe para que sua bênção fosse sobre mim;
  5. rev. Silas Neves, foram apenas 6 meses, mas a firmeza de suas convicções me chamou muita atenção;
  6. rev. Otavio Júlio Torres e revda. Hideide Brito Torres, os três anos de pastoreios juntos muito nos ajudaram. Foram anos de treinamento para o que o Senhor nos desafiaria após esses anos;
  7. rev. Elisandra Toledo, minha doce e amada esposa. Vc tem sido uma pastora em minha vida. Suas palavras, críticas, amor, atenção tem lapidado-me. Eu te amo.

À todos vocês, muito obrigado pelo pastoreio sobre minha vida.
“Dêem a cada um o que lhe é devido…
se honra, honra.” (Rm 13.7)

domingo, 15 de dezembro de 2013

Nacional de Muriaé

NACIONAL DE MURIAÉ - UNIFORMES
No dia 13 de dezembro o NAC/NEC apresentou os novos uniformes para 2014. Portanto, abaixo compartilhamos a nossa sugestão enviada à um membro do NAC para confecção dos novos uniformes. Sugestão enviada desde o anúncio da parceria do NAC com o NEC.




terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Adoração

ADORAÇÃO
Adoração é a expressão da vida - em palavras e vivência - de júbilo, exaltação, glorificação do que o Senhor Jesus é para nós.
Adoração é testemunho, não do que Deus faz ou fará, mas do que Ele verdadeiramente é para nós.
Adoração é levar ao Senhor reconhecimento do que temos para com Ele e, experimentar, na mais doce presença real, seu amor para conosco.
Adoração é expressão de louvor ao trono de Deus...e de sua presença única no meio do seu povo.
Adore ao Senhor com este cântico. Experimente o cuidado de Deus para com sua vida!
pr. Márcio Toledo


segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Ao sonido da trombeta


Se perguntassem-nos qual o sucesso da tomada de Jericó, o que responderíamos? Alguns poderiam responder que foi a presença da Arca da Aliança. Outros, a quantidade de homens que rodearam a cidade. Não poucos outros, responderiam que foi a força do grito daqueles homens.

Mas vejo ali três princípios do Reino aplicados naquele momento do povo: unidade - dependência - obediência.

Se não ocorresse a unidade entre povo, sacerdotes e Josué, creio que a bênção não seria conquistada. Em meio à cada função, a unidade foi fundamental para a conquista. Na unidade há bênção e vida para sempre (Sl 133).

Unidade não implica em sermos iguais. Isso não é unidade. Mas, diante de nossas diferenças, entendermos que somos mais fortes juntos, na mesma caminhada, no mesmo propósito. No mesmo alvo.

Outro princípio do Reino que aprendemos neste texto é a dependência! A experiência de Jericó, assim como da travessia do Mar e tantas outras, foi um lapidar para mostrar que, na obediência às Palavras do Pai, mesmo que simples, virá a graça do Senhor. Nossa vitória não está atrelada à nossa força. Mas, no poder do Deus que age em e através de nós.

Onde que muros cairiam por, a princípio, um plano suicida desse? Mas, eles estavam totalmente dependentes do mover de Deus.

E, talvez o principal princípio do Reino que esta experiência nos traz é a obediência. Obediência  antecede à bênção. Sejais obedientes, honrais  vossos pais e líderes, que a vitória é certa. A obediência ao plano e à voz de Josué fez com que Deus os honrasse.

O texto nos aponta não somente a obediência ao nosso Deus – um princípio para sermos sábios – mas a obediência às lideranças que estão sobre nós. Obediência aos/às nossos/as líderes trazem refrigério sobre o povo e disposição e alegria à liderança (Hb 13.17).

Quais as “Jericós” a serem conquistadas? As conquistaremos pela nossa força ou pelo poder de Deus? As conquistaremos com nosso “jeitinho” ou nos princípios do Reino?

Não permitas que as palavras pessimistas dos/as que ainda não compreendem os propósitos de Deus, lhe desanime. Vamos na unidade!

Não permitas que a rebeldia dos/as que ainda não querem ser tratados/as, lhe desvie o foco. Vamos na obediência!

Não permitas que incredulidade de alguns, lhe esfrie.

Ao som da trombeta, no pastoreio que sobre você está, avancemos para conquistar.
Deus o abençoe!
rev. Márcio Toledo

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Chimarrão com Queijo Artes

Desejamos compartilhar algumas de nossas artes - cartazes, logos, etc.:


Logo para a Igreja Metodista no Porto

Logo para a Igreja Metodista em Betim



Alguns cartazes para a Igreja Metodista no Porto








Logo do Happy Day

Cartazes da duas última edições do Happy Day:












terça-feira, 13 de agosto de 2013

Como Cedros do Líbano


"O justo florescerá como palmeira; crescerá como cedro no Líbano" Sl 92:12

Muitas vezes, nos descuidarmos, colocando um bode expiatório para os nossos fracassos. Mas, a Palavra de Deus nos diz que apesar da ausência de chuvas ou de circunstâncias desfavoráveis, negativas, podemos encontrar as águas mais profundas. Aquelas que se acham quando são buscadas. Não estão na superfície da indiferença nem da preguiça. Nem no conformismo ou na apatia espiritual. Elas estão no lugar da fome e da sede de Deus. As encontramos quando buscamos mais de Deus para fazer diferença neste mundo. “Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração.” (Jeremias 29:13 )

Eu quero ser um cedro plantado na casa do Senhor e florescer nos átrios do nosso Deus. Sl 92:13

Pra. Elisandra Toledo

VOCÊ CONHECE ESSA HISTÓRIA?


LEIA. Se gostou, compartilha!

Se você pudesse perguntar à uma águia: Qual asa é mais importante para você, direita ou esquerda? E se ela pudesse lhe responder, por certo diria: As duas. O meu voo e equilíbrio, somente terei com as duas. Não há possibilidade nenhuma de ficar sem alguma.
Uma vez, perguntaram ao tio Sampaio, um senhor de avançada idade. Idôneo, simples , homem de oração e uma fé inexplicável: Tio Sampaio, por toda sua experiência, o que foi e é mais importante em sua vida - oração - na igreja e diariamente em casa - ou sua busca em conhecer a PALAVRA nos cultos, estudos, escola dominical, leitura diária?

Tio Sampaio assentou-se num caixote na porta de sua casa na roça, tirou o chapéu, lágrimas desceram e com sorriso, respondeu: Filho meu, seria como perguntar à uma ave qual asa é mais importante. Sem ORAÇÃO, não conseguirei relacionamento com o Pai. Engana-se quem pensa que oração é para pedir algo à Deus. Oração é para endireitar nosso coração ao coração do PAI. Estreitar nosso coração. Oração é buscar relacionamento em "águas profundas". É sair da margem, da superficialidade.

A PALAVRA, sempre foi e será a que me liberta, fortifica, renova e O faz conhecer à cada dia. Buscar a palavra é fortalecer as raízes da minha fé. Porque nela contém a revelação de quem estou estreitando relacionamento diário. Ela me faz conhecer esse JESUS que morreu por mim.

Pela PALAVRA que fortifica minha fé, minha vida, e pela ORAÇÃO que faz endireitar meu caminho, meu coração, não há vendavais, tormentas, enchentes, abundância, seca, dia, ou noite, que me distanciarão do CAMINHO.

Fortifica-te na PALAVRA.Endireita-te pela ORAÇÃO. E não sejais inconstantes como meninos.

Jesus te abençoe!

pr. Márcio Toledo

Manifestações


Depredar patrimônio público para alimentar os roubos dos cofres público? Isso é burrice.
Esbravejar como "o último dos moicanos", mas ser conivente com o roubo, a fraude, a corrupção em cada esquina de nossas ruas?
Gritar, sair pela ruas brigando contra a corrupção, mas chegar nas eleições e vender meu voto porque agora também "ganharei"? Afinal, me "enxergaram".

Vamos sim, reivindicar:
... pelo cumprimento da justiça independente da classe social;
... por uma "revolução" por meio de uma educação decente como a Coréia do Sul passou;
... pior uma política digna, sem corrupção;
... pelo abuso de poder, à começar em nossas cidades, onde quem tem o dinheiro manipula o voto; vamos sim. Agora!

Mas não sejamos:
... alimentadores dessa corrupção votando em quem, no período eleitoral, compra nossos votos por uma cesta básica, pelo emprego que ele prometeu por conta de seu voto e não por conta de uma justiça social;
... alimentadores de uma corrupção que me irrita quando apenas o outro está ganhando - não alimentaremos a corrupção à começar pelo desvio do troco, do dinheiro encontrado, do furar uma fila, do sonegar um imposto;
... alimentadores da corrupção, sendo conivente com a pirataria."um 'cdzinho' não tem problema"...;
Como mudar um país se não desejo mudar meu instinto corrupto? Seja a mudança que deseja no Brasil. Ela começa agora, em você!

Sejamos portadores da boa nova, a começar da mudança em mim.
‪#‎mudabrasil‬

pr. Márcio Toledo
18 de junho em http://facebook.com/chimarraocomqueijo

terça-feira, 30 de julho de 2013

Mais de Deus para a minha família - I Conferência de Família

Divulgação oficial

"Mais de Deus para a minha família" será o tema da I Conferência de Família promovido pela Igreja Metodista no Porto.

O conferencista será o pastor da Igreja Cristã Apostólica de Niterói, Luciano Vilaça. Ele é casado, tem três filhos. Pastor. Formado em Ciências Jurídicas pela UFRJ, em Liderança pelo Haggai Advanced Leadership Institute - Singapura e em Psicólogo, especializado em Terapia de Casal e Família pela PUC-Rio. Conferencista no Brasil e em outros países. Autor de vários livros, entre eles De Pai Pra Filho, A Transmissão de um Legado e Companheiros Inseparáveis. Trabalha na formação e no treinamento de líderes por mais de 25 anos e presta consultoria na área de gerenciamento de pessoas e desenvolvimento humano.

INFORMAÇÕES:
Quem pode participar?
Casais e jovens e adultos  solteiros. Para toda a família.

Somente membros da Igreja Metodista?
NÃO. Pessoas independente de sua confissão de fé poderão participar.

Será servido janta?
Não. Teremos um intervalo de duas horas, mas não será servido janta no local. Apenas um coffee-break no intervalo das duas conferências e após a celebração à noite.

Como inscrever-se?
A inscrição poderá ser feita pelo site http://porto.metodista.org.br. Mas a taxa de inscrição deverá ser feita em depósito na conta: Banco ITAÚ, ag. 1469, c/c 47599-8, e envado comprovante para o e-mail: evento@porto.metodista.org.br

IMPORTANTE:
Domingo pela manhã o pr. Luciano estará ministrando na Escola Dominical. A participação é livre.

Happy Day 2013 - Parceiros

Expressamos nossa gratidão aos empreendedores e empresas que forma parceiros do Happy Day, apostando neste projeto. Nosso muito obrigado!


Happy Day 2013

Divulgação oficial do Happy Day 2013



A Igreja Metodista no Porto realizou, na noite do último sábado (13), a segunda edição do Happy Day, que significa Dia Feliz, com a participação da Comunidade Vineyard, do Rio de Janeiro. A programação começou a tarde e esse ano o que não faltaram foram atrações para os membros da igreja e para os moradores do bairro do Porto.

Foram prestados de forma gratuita para a população diversos serviços sociais como cortes de cabelos, aferimentos da pressão, diversos exames e para criançada, algodão doce, pula-pula e pintura facial.

A noite, um palco foi montado na rua da igreja para receber um dos mais conhecidos ministérios de louvor do Brasil, a Comunidade Vineyard. Autores de canções como “Eu te Busco”, “Me derramar”, “Reina em Mim”, dentre outras muito conhecidas nas igrejas foram ministradas.

Houve também o momento da palavra com o pastor e tecladista do grupo, Fábio Rheein, que leu o texto bíblico em Gn. 13-10 e falou a respeito de que Cristo deve ser o centro de todas as escolhas.

“A intenção do Happy Day não é apresentar um show as pessoas, é comunicar que Jesus trás felicidade a todos” - completa o pastor Márcio Toledo que é um dos responsáveis pela organização do evento. Atualmente a Comunidade Vineyard conta com aproximadamente 10 igrejas espalhadas pelo Brasil e há 10 anos surgiu o ministério Vineyard Music.

DINAMUS com Rhanúsia e Bruna Tavares (ex-BBB)

Divulgação oficial do Dinamus



Esteve presente no último sábado (20 de abril), na Igreja Metodista no Porto, as Missionárias e amigas Rhanúsia Borges e Bruna Tavares, ex-integrante do Big Brother Brasil 7. Elas vieram participar do culto intitulado Dinamus, que significa poder de Deus, com o tema, “O reino de Deus se experimenta em poder e não em palavras”. E foi o que os membros e visitantes sentiram naquela noite; poder sobrenatural de Deus através das missionárias.

O culto deu início com uma encenação apresentada pelo grupo teatral AdorArte, falando do amor e a esperança que Jesus traz ao pecador. Em seguida, foi a vez do ministério de louvor da igreja Metodista no Porto conduzir oculto através dos cânticos.

O Ministério Rhanúsia e Bruna Tavares usa uma temática bem diferente daquilo que os cristãos estão acostumados a verem nas igrejas, mas  que não deixa de impactar e edificar vidas por vários lugares onde passam.

O Dinamus é uma iniciativa da SMJ (Sociedade Metodista de Jovens). No primeiro momento do culto, Rhanúsia falou sobre santidade em meio ao mundo pós moderno que a humanidade vive. “ O cristão precisa entender que para obter uma vida santa e íntegra diante de Deus é preciso renunciar muitas coisas” afirma Rhanúsia em sua pregação.

E renuncia é um dos assuntos que Bruna Tavares em seu testemunho aborda. Segundo ela, depois que aceitou a Jesus verdadeiramente, Deus começou a mostrá-la várias coisas em sua vida que era preciso renunciar, como o excesso de vaidade que tinha, o amor ao dinheiro e a fama, dentre outras prioridades da sua vida. Atualmente Rhanúsia e Bruna moram em Astolfo Dutra, cidade que fica há 90km de Muriaé.

Em entrevista a nossa equipe, elas disseram estarem muito feliz de retornarem à Muriaé pela terceira vez. “ O nosso trabalho é falar do amor de Deus para as pessoas que ainda não o conhecem e mostrar a elas que o mais importante de tudo é ter uma vida debaixo da vontade de Deus, muito mais importante do que fama, dinheiro, beleza e status” - completa Bruna.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

1º Happy Day - 10 de novembro





Dia 10 de novembro a Rua Cel. Pereira Sobrinho, bairro Porto, em Muriaé, Minas Gerais, será agitada pelo "1º Happy Day - comunicando uma vida feliz".

Das 08:00 às 12:00, com apoio da Fundação Cristiano Varella, um ônibus fará exames médicos preventivos para mulheres e coleta de sangue para exame de próstata para homens.

A partir das 16:00 teremos barracas com comidas, diversão para crianças (pula-pula, algodão-doce e pipoca), atendimentos sociais, teatro, dança e muita música.

Venha estar conosco durante o dia. Será imperdível.






sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Membro de Igreja ou Discípulo de Cristo?


Extraído do site: http://metodistabenfica.blogspot.com.br/
1. O membro espera pães e peixes, o discípulo é pescador de almas.
2. O membro luta somente por frequentar uma igreja, o discípulo em fazer parte.
3. O membro vale porque soma, o discípulo vale porque multiplica.
4. O membro se conforma apenas em ouvir a pregação, o discípulo além de ser um bom ouvinte, também passa para frente o que aprendeu.
5. O membro gosta de afagos, o discípulo do serviço e do sacrifício pela causa de Cristo.
6. O membro se ganha, o discípulo se faz.
7. O membro entrega parte de seus desejos, o discípulo entrega toda sua vida.
8. O membro é contribuinte, o discípulo é dizimista e ofertante fiel/constante.
9. O membro espera que lhe apontem a tarefa, o discípulo assume a responsabilidade.
10. O membro reclama que o visite, o discípulo faz a obra de Deus espontaneamente.
11. O membro vê o problema, o discípulo ora pelo problema e busca a solução.
12. O membro sonha com a Igreja ideal, o discípulo se entrega para construir a Igreja ideal.
13. O membro diz: “que bonito!”, o discípulo diz: “Eis-me aqui Senhor!”
14. O membro deseja ter luz para enxergar o caminho, o discípulo é a luz do mundo.
15. O membro deseja uma Igreja vibrante, o discípulo é parte e promotor dela.
16. O membro da igreja se conforma em saber que Deus se faz presente, o discípulo procura ser cheio da presença de Deus.
17. O membro é um soldado de defesa, o discípulo é um invasor das defesas inimigas.
18. O membro é condicionado pelas circunstâncias, o discípulo as aproveita para exercer a fé.
19. O membro solicita orações por suas necessidades, o discípulo tem uma vida de oração.
20. O membro deseja um culto mais envolvente, o discípulo é um fervoroso adorador.
21. O membro entende que a Igreja é a casa do Pai, o discípulo faz de sua casa um santuário de Deus e de sua vida um altar de adoração.
22. O membro da igreja é valioso, o discípulo de Jesus é indispensável.
23. O membro nem sempre é discípulo, mas todo discípulo sempre é membro de uma igreja.
24. O membro vai atrás do oba, oba (emoção), o discípulo é cauteloso e firme (razão).
25. Há membros que na hora do vendaval são os primeiros a pular fora do barco, o discípulo, porém, permanece firme, fiel e leal.
26. Há membros, que quando sabem de um grave problema envolvendo seu líder ou pastor, criticam e às vezes difamam. O discípulo, porém, chora e paga o preço junto.
27. O membro gosta de trocar de pastor, o discípulo, porém, jamais abre mão de seu líder.
28. Há membros que, se o pastor pecar, o condenam e exigem outro, o discípulo, porém, perdoa e luta para não perdê-lo.
29. Há membros que decepcionam seu pastor, o discípulo o surpreende.
30. Há membros que, nas ocasiões festivas, se esquecem de Deus e que são crentes, o discípulo, porém, aproveita-se delas para falar do amor de Deus.
31. Há membros que na frente é uma coisa e por trás é outra, o discípulo é transparente, sincero, leal e confiável.
32. Há membros murmuradores, maldizentes e fofoqueiros, o discípulo é sábio e vigilante.
33. Há membros que quando estão na frente de colegas de trabalho, familiares e descrentes não vigiam e falam dos problemas internos de sua igreja e pastores, o discípulo, porém, aproveita essa oportunidade para orar e falar de Jesus.
34. Há membros que só vem para igreja para bater papo e passear, o discípulo para adorar.
35. Há membros que só buscam a Deus quando estão na pior ou passando por grandes lutas, o discípulo, porém vive na presença de Deus independentemente das circunstâncias.
36. Há membros que não param em igreja alguma, vivem pulando de “galho em galho”, o discípulo, porém, é fiel à sua igreja e ao pastor.
37. O membro dá porque se pede, o discípulo dá porque ama.
38. O membro gosta mais de cultos de campanhas, o discípulo, de adoração e estudos Bíblicos.
39. O membro só faz aquilo que se manda ou pede, o discípulo vai além.
40. O membro sai da igreja por qualquer coisa, o discípulo dá sua vida pela igreja.
41. O membro só quer ouvir sermões que amaciem seu ego, o discípulo que tratem do caráter.
42. O membro carnal não aceita correção ou disciplina, o discípulo vê nisso uma oportunidade de crescimento e amadurecimento.
43. O membro gosta de ser servido, o discípulo tem prazer em servir.
44. O membro, quando ouve ou vê alguém falando mal de sua igreja ou pastor, fica na defensiva, o discípulo, porém, defende e repreende tal agente do mal.
45. O membro é rancoroso e melindroso, o discípulo é perdoador e forte.
46. O membro inconstante tem pele de casca de ovo, o discípulo, porém, tem coro de jacaré.
47. O membro reclama da distância da igreja, o discípulo atravessa fronteiras, se for preciso.
48. O membro que não é espiritual depende de dinheiro, emprego ou carro para servir e agradar a Deus, o discípulo é dependente de Deus.
49. O membro precisa ser motivado para viver, o discípulo é um motivador de vidas.
50. O membro só vem quando é chamado, o discípulo, porém, porque é vocacionado.
51. O membro só vem aos cultos de ensino bíblico quando é advertido, o discípulo, porém, porque é compromissado e tem sede de aprender a Palavra de Deus.
52. O membro ama quando é amado, o discípulo, porém, ama incondicionalmente.
53. O membro descompromissado só ora, jejua e lê a Bíblia em meio a lutas e provações, o discípulo, porém, porque precisa se alimentar e cultivar maior intimidade com Deus.
54. O membro sem estrutura bíblica vive correndo atrás de profetas, o discípulo é “boca” de Deus na Terra.
55. O membro diz: “A igreja que eu congrego se chama..”, “O pastor da igreja se chama...”, O discípulo porém diz: A Minha igreja se chama..., o Meu pastor se chama!

E AÍ, VOCÊ QUER SER DISCÍPULO DE JESUS OU
CONTINUAR SENDO APENAS UM MEMBRO?

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Logo da Igreja Metodista no Porto

Pegamos a orientação utilizada pela 1ª Região Eclesiástica quanto ao uso da marca e fizemos uma adaptação para nossa querida Igreja Metodista no Porto.



terça-feira, 4 de setembro de 2012

"Temos que descer daqui?"

Iniciamos neste domingo, dia 02, nossas celebrações em virtude dos 43 anos de vida e 15 de autonomia da Igreja Metodista no Porto, em Muriaé, Minas Gerais.

Tivemos a grata alegria da presença de nosso querido bispo, revmo. Roberto Alves de Souza, e de sua companheira e doce esposa, Marta Aono. A mensagem foi baseada em Jo 4, o texto da mulher samaritana, e levou-nos a compreender que, mesmo que escondidos, Deus vê o nosso pecado, mas achega-se a nós não para nos "zombar", mas para dar-nos a água viva a fim de experimentarmos uma nova realidade em nossas vidas.

Foi uma noite maravilhosa onde pudemos adorar e celebrar ao Senhor com grande alegria. Noite de celebração, júbilo, festa, comunhão (Santa Ceia), mas de encontro com o Cristo vivo. Sua palavra foi poderosa através do seu servo, revmo. Roberto. O sentimento ao final do culto foi: "temos que descer daqui, Senhor?"

Ainda não tenho muita noção do espaço de nossa igreja, mas cremos ter tido a presença próxima de 150 pessoas. Visitantes e o povo metodista "portenho" (rsrsrsrsrs).
Nos alegramos em tua presença, Senhor, e rogamos para que derrame de seu Espírito na vida desta igreja. Desejamos experimentar um avivamento do Seu trono, trazendo-nos paixão por Ti, por almas e uma igreja em adoração. Obrigado, Senhor, e tenha misericórdia de nossas vidas.

Pr. Márcio Toledo e Pra. Elisandra Toledo







domingo, 26 de agosto de 2012

Encontro da Mocidade 2012 da Igreja Metodista no Porto

A Mocidade da Igreja Metodista no Porto realizará mais uma edição do encontro anual da mocidade. Juvenis e Jovens de idade entre 12 e 35 anos.

Será um encontro para retomada da Sociedade Metodista de Jovens da Igreja Metodista no Porto. Venha participar e fazer parte deste momento.

O tema deste ano será: Sarando as feridas interior



segunda-feira, 28 de maio de 2012

Agenda Pastoral Semanal - 28 de maio a 03 de junho de 2012


Olá, amados e amadas no Senhor.
Compartilhamos nossa agenda semanal.
Desde já, tenham uma semana na presença d'Aquele que o ama muito, Jesus!!!


Em Cristo,


rev. Márcio e revda. Elisandra



segunda-feira, 21 de maio de 2012

Agenda Pastoral Semanal - 21 a 27 de maio de 2012

Olá, amados e amadas  no Senhor.
Compartilhamos nossa agenda semanal.
Desde já, tenham uma semana na presença d'Aquele que o ama muito, Jesus!!!


Em Cristo,


rev. Márcio e revda. Elisandra