Versículo do dia...

Um pouco de nós / Un poquito de nosotros:

Minha foto

Olá. O Chimarrão com Queijo é o nome tem acompanhado nossa caminhada. O Márcio é oriundo de Cataguases, Minas Gerais, e a Elisandra, de Passo Fundo, Rio Grande do Sul. Nossa pequena Emanuelle também é de lá.
Seja bem-vindo/a!!!!

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Hummm?!


Certa feita, entre meus 12 e 15 anos, passei a sentir uma certa vergonha em andar com uma Bíblia debaixo do braço. Em seguida, num de nossos cultos, senti o meu coração muito vazio. Comecei a meditar sobre aquele sentimento: "A Palavra é bem clara: se envergonho por causa de Cristo, diante do Pai Ele não me reconhecerá. Se por um pequeno livro tenho tanta vergonha, imagine o sentimento que o Senhor teria de mim?"

Imediatamente comecei a lutar com esse sentimento: comprei uma Bíblia bem grande (rsrsrs) e disse a mim mesmo: jamais terei vergonha do meu Senhor e Salvador.

"Sou pobre e necessitado, porém o Senhor cuida de mim" - nas palavras do salmista expresso minha pequenez e dependência Dele. Por meio Graça, peço a Deus que dá-me força para que em minha vida Ele não seja envergonhado. Necessito e persigo uma vida de santidade.

SANTIDADE... o que é isso hoje? O que será ser SANTO?

Será que é ter a conta bancária recheada? Será se regozijar com a desgraça do meu concorrente, mesmo que ele tenha me prejudicado? Será ter o carro do ano e com sentimento de arrogância, e não de gratidão, dizer pra todo mundo: "Foi ELE que me deu?". Será que é olhar para as crises dos outros e dizer que são frutos da idolatria, do cigarro, da bebida... e esquecer que minha fofoca, minha calúnia, minha desobediência aos meus líderes, meu amor ao dinheiro, correspondem às minhas "idolatrias", meus "cigarros", minhas "bebidas", etc.?

Poderia continuar relacionando situações. Elas não se esgotam. Mas, será que SANTIDADE, vida de santidade, um propósito de Deus para minha e sua vida, nos dias de hoje não teria nenhuma problema se em minha vida essas práticas tivessem? Será que a plenitude do Espírito Santo seria vivenciada em mim quando permito que minhas palavras e atitudes cooperam para que, tudo aquilo que não provém de Deus seja exaltado?

Sou muito "puritano" com algumas coisas, porque já sofri na pele o perigo delas. A Palavra de Deus já nos adverte: "fugi da aparência do mal." Onde vou, aquilo que faço, aquilo que pronuncio, aquilo que "compartilho", aquilo que "curto", podem ser frestas que se abrem para que minha vida seja mais frágil do que é.

Fico muito preocupado quando irmãos/irmãs na fé, até mesmo eu, vamos abrindo essas frestas para que nossas vidas fiquem mais suscetíveis às investidas do homem e do diabo. Cuidado, vigiem, cuidem para que suas vidas sejam reflexo da presença de Deus e não, instrumento do diabo, da discórdia, do pecado.

Em Deus podemos ter uma vida saudável, alegre, divertida e preciosa. Você não está sozinho. Conte comigo. Seja forte. A vida com Jesus passa pela CRUZ. Permita você "morra" e que Cristo viva em ti.

Nenhum comentário: